Regulamento do Estadual de Equipes 2018

 FEDERAÇÃO DE FUTEBOL DE MESA DE MATO GROSSO DO SUL - FEFUMEMS

CAMPEONATO ESTADUAL DE EQUIPES - MODALIDADE DADINHO

REGULAMENTO

1. DISPOSIÇÕES GERAIS

a) O CAMPEONATO ESTADUAL DE EQUIPES - MODALIDADE DADINHO será organizado e dirigido pela FEFUMEMS, a qual terá a responsabilidade de elaborar a respectiva tabela de jogos, bem como adotar todas as providências de ordem técnica necessária à sua realização.

b) Para fins de melhor compreensão deste regulamento, seguem algumas definições:

CLUBE – associação filiada à Fefumems

BOTONISTA – atleta vinculado ou não a clube

EQUIPE – grupo constituído de três botonistas, sem vinculação obrigatória a um clube

PARTIDA – confronto entre duas equipes (ex.: Operário x Comercial)

JOGO – confronto entre dois botonistas (ex.: José x Paulo)

2. DO PERÍODO DE REALIZAÇÃO

a) O campeonato será realizado entre os meses de março e outubro de 2018.

b) A Fefumems definiu datas fixas em que as partidas deverão ser realizadas, sempre em rodadas duplas. A tabela completa será publicada após o término do período de inscrições das equipes.

3. DAS INSTALAÇÕES E MATERIAIS

a) A Loja Fefumems será a sede preferencial para todas as partidas. Caso não seja possível mandar partidas na Loja Fefumems, deve ser escolhido um local bem ventilado, bem iluminado e em perfeitas condições de higiene. O material básico (mesas, cavaletes, traves, dadinhos, súmulas e cronômetro) deve ser, preferencialmente, fornecido pelo clube mandante da partida.

4. DA CONSTITUIÇÃO DAS EQUIPES

a) Cada equipe deverá ser constituída por 3 (três) botonistas.

b) Cada equipe poderá, opcionalmente, inscrever 1 (um) botonista reserva.

c) Toda equipe deverá nomear um capitão, que será responsável pelo bom andamento da partida e pela comunicação com a equipe adversária.

d) Será permitido à equipe iniciar uma partida com apenas um ou dois botonistas presentes na data e local determinados. Os botonistas ausentes terão seus resultados declarados como WO na partida.

e) Ficam expressamente vedadas a transferência de jogadores entre equipes e a inclusão de jogadores ao longo da competição.

5. DO BOTONISTA

a) Todo botonista terá condições de jogo se:

- estiver com sua filiação junto ao clube em dia

- estiver com suas pendências financeiras e/ou administrativas regularizadas perante a FEFUMEMS

b) Será considerado irregular, sujeito a penalidade de WO em seu jogo, o botonista que utilizar relógio de pulso e/ou celular.

c) Se um botonista participar de ao menos um jogo defendendo alguma equipe clube filiado à FEFUMEMS em competições coletivas no ano de 2018, este não poderá defender equipe ou clube diferente no mesmo ano, em qualquer outra competição coletiva de nível estadual.

d) A equipe deverá trajar uniforme (camiseta) com coloração previamente informada à FEFUMEMS. Serão tolerados patrocinadores, nomes, números ou detalhes nos uniformes que não descaracterizem o conjunto.

e) Equipe que não estiver uniformizada na data da partida será punida com a perda de 1 (um) ponto na tabela a cada ocorrência.

6. DA FÓRMULA DE DISPUTA

a) O campeonato será disputado conforme segue e obedecerá ao disposto neste Regulamento, na tabela de jogos, na regra oficial Dadinho 9x3 e na legislação desportiva vigente.

b) Caso sejam até 6 (seis) equipes aptas e interessadas em participar, a fórmula de disputa será: grupo único, jogando todos contra todos, por pontos corridos em turno e returno.

c) Haverá sorteio para apontar mandantes e visitantes na tabela.

d) Será proclamada campeã estadual a equipe que somar mais pontos ao término das partidas.

e) Critérios de desempate, por ordem de importância:

1) maior número de vitórias em partidas;

2) maior saldo de vitórias em jogos;

3) maior número de vitórias em jogos;

4) saldo de gols;

5) confronto direto;

6) sorteio.

7. DA CONTAGEM DE PONTOS

a) Admitindo-se que cada equipe seja composta por 3 (três) botonistas, uma partida entre duas equipes compreenderá a realização de 9 (nove) jogos. O botonista vencedor de um jogo contabiliza um ponto para sua equipe. Em caso de empate, as equipes não somam pontos.

b) Será declarada vencedora da partida a equipe cujos botonistas somarem mais pontos ao término de todos os 9 (nove) jogos do confronto. A equipe vencedora da partida somará 3 (três) pontos na tabela.

c) Caso haja empate no número de pontos somados pelos botonistas na partida, será declarado empate, e cada equipe somará 1 (um) ponto na tabela.

8. DO ANDAMENTO DOS JOGOS

a) A equipe mandante tem direito de escolher as mesas para realizar a partida, e a equipe visitante tem direito de dar a saída de bola na primeira rodada de jogos, alternando-se a saída nas demais rodadas de jogos.

b) O capitão da equipe visitante listará primeiro, na súmula oficial, os 3 (três) botonistas que iniciarão a partida, assumindo posições fixas (V1, V2, V3), e em seguida mostrará ao capitão da equipe mandante, que completará a lista com seus botonistas nas suas posições fixas (M1, M2, M3).

c) A súmula oficial deverá ser assinada pelos dois capitães e encaminhada para o e-mail futeboldemesams@gmail.com, em até 48 (quarenta e oito) horas após o término da partida. Caberá à equipe mandante a guarda da documentação original, que não poderá ser descartada.

d) Apenas capitães podem registrar na súmula eventuais irregularidades durante a partida, o que serão analisadas em até 72 (setenta e duas) horas, a contar do recebimento da documentação, pela diretoria da FEFUMEMS.

d) Um botonista não pode enfrentar o mesmo adversário mais de uma vez na partida, exceto em casos de ausência previstos no item 4d deste Regulamento.

9. DA PREMIAÇÃO

As equipes que terminarem em primeiro, segundo, terceiro e quarto lugares terão direito a medalhas.

10. DAS DISPOSIÇÕES GERAIS

a) As equipes disputantes do presente campeonato se obrigam a respeitar o regulamento e se comprometem em permanecer no certame até o seu final, em conformidade com a tabela de jogos elaborada pela FEFUMEMS.

b) A equipe que abandonar o campeonato ficará automaticamente eliminada da competição e proibida de participar de qualquer outro torneio coletivo no ano de 2018 e 2019. Em caso de reincidência, a punição será aplicada em dobro.

c) Os casos omissos ou duvidosos deverão ser encaminhados à diretoria técnica da modalidade Dadinho, que irá analisar a situação e emitir uma resolução.

Campo Grande, MS, 14 de fevereiro de 2018.

Hélder Rafael
Diretor técnico da modalidade Dadinho

Luigi Mollerke
Presidente da Federação de Futebol de Mesa de Mato Grosso do Sul (FEFUMEMS)

0 comentários:

Postar um comentário

Cene Círculo Militar de Campo Grande Comercial Escola do São Paulo Operário Sobotoms